Como escolher o óleo de motor?

Entender tudo sobre as partes de um veículo já não é nada muito fácil. Quando se fala de óleo de motor, então, tudo parece ficar ainda mais complicado. Afinal, como saber qual lubrificante escolher na hora da troca?

A tarefa pode parecer demais para sua cabeça, mas com as dicas certas, não precisa ter medo na hora de escolher o melhor lubrificante para o motor. Basta prestar bastante atenção nos detalhes que listamos nesse artigo. Confira!

A importância de conhecer!

A grande maioria das pessoas não faz ideia como se troca o óleo de uma moto, por exemplo. Outros ainda nem se preocupam em trocar alguma vez. Mas por que isso é tão importante? 

Bom, o óleo é o que lubrifica as peças. E isso é importante para evitar o desgaste de todas as partes do motor. Evitando o desgaste, é possível garantir uma vida útil mais longa para o veículo.

Por isso, é fundamental sempre conferir como está o óleo e, principalmente, conhecer qual é o tipo de óleo mais adequado para cada caso. Afinal, o óleo errado não só pode não te ajudar, como também piorar a situação do motor.

Como escolher o melhor óleo?

A escolha do óleo de motor pode parecer complicada pela variedade de tipos de óleo que existem. Em outras palavras, há milhares de número de lubrificantes para escolher, como o 10w40 ou 10W30. E, ao contrário do que muitos pensam, não basta escolher pelo preço ou pela marca.

O óleo é como o sangue de um corpo. Não se pode, por exemplo, colocar um óleo de tipo diferente daquele que o veículo deve receber. Isso seria como fazer uma transfusão de sangue com um tipo sanguíneo totalmente incompatível.

Na verdade, o ideal é sempre consultar o manual do proprietário para encontrar o tipo de óleo ideal para o seu veículo. Essa escolha será fundamental para definir o desempenho e a vida útil do seu carro ou moto.

Quais as características de um bom óleo?

Ao procurar um óleo de motor para o seu veículo, duas principais características são importantes: a viscosidade (10w40, 5w30, 10w50…) e o tipo de lubrificante (mineral, sintético ou semissintético).

A viscosidade é a mais importante característica de um óleo lubrificante. Isso porque diz respeito à capacidade desse produto de fluir entre as peças e garantir a proteção de todo o motor, o que fará toda a diferença no desempenho do veículo.

Em segundo lugar, o tipo de óleo correto é sempre indicado no manual do proprietário. Em resumo, os óleos minerais são mais baratos, mas menos eficientes. Já os lubrificantes sintéticos são mais caros, mas garantem máxima proteção e desempenho do motor. 

O mais importante é não deixar de consultar todas as informações possíveis da embalagem. São elas que darão uma grande ajuda na hora de escolher o melhor.

Posso usar qualquer lubrificante?

Como já dissemos, não basta simplesmente comprar um óleo qualquer e colocá-lo na sua moto ou carro. Saiba, inclusive, que existem os tipos de óleo diferentes para carro, moto, caminhão e outros veículos. 

Então, não. Não é possível usar qualquer lubrificante. O mais recomendado é que se saiba exatamente qual o óleo recomendado para o seu veículo.

Para alguém que encontre dificuldades em entender sobre esse assunto, chamar uma ajuda especializada pode ser a melhor opção para fazer uma escolha certeira. 

Preciso colocar aditivos?

Apesar de populares, é preciso ter muito cuidado com a ideia dos aditivos. Afinal, o próprio lubrificante que você compra já possui aditivos suficientes para garantir a performance do veículo. 

No caso de uma recomendação profissional para usar esse recurso, desconfie num primeiro momento. Pesquise bem e se certifique com essa pessoa de que não terá problemas futuros por usar aditivos no óleo de motor.

Conclusão

Na hora de trocar o óleo do seu veículo, saiba exatamente o que está fazendo e não aposte em qualquer lubrificante. Principalmente, não confie nos preços! O barato pode sair muito caro para você quando precisar gastar ainda mais para consertar.

Se não tem segurança na escolha do melhor óleo para o seu veículo, peça ajuda para um especialista. Aproveite também a oportunidade para pedir outras dicas para te ajudar na próxima troca do óleo de motor.

Quanto mais você souber, melhor. Menos risco de ser enganado por alguém talvez mal-intencionado!

óleo de motor