Dom de desenhar

Dom de desenhar: 9 verdades que ninguém conta

Dom de desenhar, será que isso existe mesmo? Nesse momento, você talvez esteja se perguntando se é capaz de aprender a desenhar, já que não se considera abençoado com um dom assim.

Ou pode ser que esteja pensando em alguém que você conheceu e que tinha uma habilidade incrível de desenhar. Ou seja, tinha o dom.

Afinal, existem mesmo pessoas que têm o dom na arte do desenho?

Será que aqueles que se tornam bons desenhistas são “escolhidos” para isso e tem o dom de desenhar, e que nós, simples mortais, não temos a chance de aprender e chegarmos a ser bons também?

Na verdade, não existe um consenso sobre isso e para entender melhor, vamos ver brevemente o que significa ter um dom.

Em seguida, vamos ver a diferença entre dom de desenhar e talento para desenhar. Por fim, você vai entender se é possível desenvolver o talento para desenhar.

A verdade sobre ter o dom de desenhar

Para começar, a palavra “Dom de desenhar” quer dizer algo recebido de forma natural, um benefício ou dote inato.

Vendo por esse ângulo, podemos dizer que algumas pessoas nasceram com a habilidade de fazer coisas notáveis, como pintar, falar diferentes idiomas, tocar instrumentos e assim por diante.

Por outro lado, a maioria das pessoas apresentam grande dificuldade em executar as mesmas tarefas que, aparentemente, são simples para esses indivíduos. Assim dizemos que elas têm um dom.

Porém, existem os que defendem o argumento de que ninguém nasce sabendo nada e que todos precisam aprender de alguma forma.

Então, observando por esse ponto de vista, o que existe é a facilidade de aprendizado e não uma qualidade ou capacidade inata.

Seja como for, você vai mesmo encontrar pessoas incríveis, que exibem uma facilidade impressionante de expressar o que vêm por meio dos traços que desenham.

Elas fazem parecer fácil criar um desenho complexo e realista à mão livre. Assim, talvez você se convença de que elas têm um dom. Não tem nenhum problema nisso.

De certa forma, alguns de nós podem acabar usando o fato de não terem sido abençoados no nascimento com alguma habilidade como desculpa para não aprender algo.

No entanto, é muito importante ter em mente que, não nascer com uma destacada facilidade de aprendizado ou com a capacidade de ser autodidata, não te impede de desenvolver um talento.

E é sobre isso que vamos falar a seguir.

Diferença entre dom e talento

Se realmente existem pessoas com habilidades especiais ou dons, existem também as pessoas talentosas. Então, qual a diferença entre dom e talento?

Talento pode ser descrito como a aptidão que leva alguém a fazer uma atividade de forma impecável, com maestria.

A diferença é que, teoricamente, o dom é algo inato, um presente que não se escolhe receber.

Além disso, possibilita que a pessoa exerça atividades super difíceis com muita facilidade e sem a necessidade de treinamento.

Por exemplo, podemos citar crianças que fazem cálculos matemáticos complexos desde bem cedo. Ou aquelas que aprenderam a falar vários idiomas sem a ajuda de ninguém.

Por outro lado, o talento parte de outro lugar: do exercício! Para ilustrar, podemos pensar num atleta que se torna referência em sua modalidade, treinando horas a fio diariamente.

Ou seja, qualquer pessoa pode se tornar talentosa em um nicho. Para isso, é preciso esforço, um trabalho intenso tendo o objetivo de alcançar a excelência. E isso é totalmente possível.

Mais do que isso, é possível afirmar que não importa qual habilidade você quer desenvolver, se a sua motivação for grande e você mantiver o foco, vai conseguir aprender e chegar a ser muito bom no que faz.

Então, agora que você entendeu que é possível aprender a fazer muito bem algo, que tal você colocar isso em prática e aprender como desenhar personagens de anime?

Como desenvolver o talento para desenhar

  Para quem está se esforçando para aprender a desenhar com habilidade, é bom saber que uma pessoa ter um dom não significa que ela terá sucesso em suas empreitadas.

Afinal, é necessário estar motivado e fazer bom uso da destreza que possui.

Entretanto, você tem o desejo e a motivação: quer chegar a aprender a desenhar e quer fazer bem feito. Sabe o que isso quer dizer? Que você vai conseguir chegar lá. Mas, do que você precisa?

Escolha um bom professor

Cada pessoa tem uma forma de aprender e de ensinar. Assim, procure alguém que ensine de um jeito que preencha suas necessidades como aluno.

Fazendo assim, o processo de aprendizado se torna mais agradável e produtivo. Como resultado, você terá mais respostas e verá os resultados em menos tempo.

Estude as técnicas de desenho com disciplina

Seria muito bom se todos nós tivéssemos a capacidade de aprender rapidamente e sem esforço, ou ter o dom de desenhar.

No entanto, a grande maioria de nós precisa se debruçar sobre os livros para adquirir o conhecimento necessário.

Sendo assim, entenda a importância de se dedicar a aprender a desenhar.

O que não falta hoje são informações e referências para que você possa desenvolver seu talento e refinar suas técnicas para desenhar.

Faça exercícios de desenho regularmente

Um segredo de quem desenha muito bem é desenhar sempre. Tenha à mão um caderninho ou um bloco para rascunhar o que você vê por aí.

Folhas, flores, casas ou objetos simples, qualquer coisa pode servir de modelo para que você treine uma técnica de desenho aprendida.

Consequentemente, sua capacidade de registrar em traços o que você observa vai se tornar cada vez maior.

Nesse ínterim, sua confiança também vai aumentar, contribuindo para sua vontade de se desafiar também.

Aumentando o grau de dificuldade e traçando novas metas de aprendizado, você vai elevando o nível da sua arte.

Dicas finais sobre o Dom de desenhar

Finalmente, podemos dizer que a verdade é: não importa se você acredita que existam pessoas com o dom desenhar ou não.

O fato é que, seguindo os passos certos, você pode se tornar um expert no desenho e ter o Dom de desenhar.

Para isso, lembre-se de procurar por um bom professor, estude com disciplina as técnicas de desenho e treine.

Treine, treine, treine. Afinal, como em qualquer outra atividade, a prática te levará à excelência do Dom de desenhar.