O que é autocuidado e qual a sua importância na saúde

Saber o que é autocuidado e conseguir diferenciá-lo de práticas que se relacionam com o egoísmo, é uma alternativa eficaz para maior qualidade de vida. Isso porque a rotina e os afazeres diários costumam direcionar nossa preocupação aos outros.

Ainda que saibamos o quanto de dedicação é posto à serviço de alguém, precisamos ser capazes de ponderar uma forma de também cuidarmos de nós.

Por exemplo, há casos de mães que desconhecem a importância da fisioterapia na saúde da mulher, mas não perdem sequer uma data de consulta dos filhos. Ou ainda, uma pessoa que se preocupa com práticas alimentares de seu parceiro, mas come mal.

Por isso, preparamos esse artigo para você compreender o que é autocuidado e porque você precisa praticá-lo agora! Confira conosco e boa leitura!

Qual a definição de autocuidado

Autocuidado é toda ação que o indivíduo faz por ele mesmo com o objetivo de promover o seu bem-estar. Ou seja, ao cuidar de si para ter uma melhor qualidade de vida, está promovendo o autocuidado.

Entretanto, essa prática não inclui somente a melhora da aparência física. Isso porque essas ações, que causarão satisfação pessoal, incluem cuidar do corpo e da mente, como uma ida ao salão, entrar para uma academia ou fazer terapia.

Nesse sentido, o autocuidado pode ser feito de formas diferentes, e ele deve estar de acordo com os interesses, objetivos, desejos e prazeres da própria pessoa. Por isso, é importante que você conheça os principais tipos e os seus benefícios. Confira a seguir!

O que é autocuidado e quais os tipos mais importantes

O que é autocuidado e quais os tipos mais importantes

Como vimos, um conjunto de ações diárias para promover o nosso bem-estar é o autocuidado. Acontece que essas práticas melhoram as sensações em diferentes áreas. Por isso, vamos elencar agora os seus diferentes tipos. Veja:

Autocuidado físico

Para praticar o autocuidado físico, é preciso adotar ações que mantenham a saúde em dia. Nesse sentido, algumas atitudes devem ser incluídas na rotina. Esse tipo inclui práticas que, na maior parte das vezes, são uma das primeiras coisas que vem à nossa cabeça ao pensar em cuidar de nós mesmos.

De fato, é comum mudar a rotina incluindo, entre outras coisas, uma academia, procedimentos estéticos e até mesmo uma mudança no visual, como pintar o cabelo. Dessa forma, tudo é feito para refletir na própria aparência.

Acontece que fazer algo que você gosta muito, como manter uma boa alimentação e até mesmo dormir as horas recomendadas, também afeta diretamente o nosso físico. Além disso, evita o aparecimento de certas doenças.

Veja mais ações que promovem o autocuidado físico e afastam o estresse, e que talvez você não sabia:

  • Começar a praticar um esporte diferente;
  • Criar o hábito da leitura;
  • Ter um momento de relaxamento no banho;
  • Dar atenção ao seu pet com brincadeiras e conversas;
  • Colocar uma música e dançar até cansar;
  • Ter um momento para assistir seus filmes e séries preferidas;
  • Dar uma de masterchef e cozinhar aquela receita deliciosa;
  • Fazer seu skincare pela manhã e antes de dormir. 

O que é autocuidado emocional

Já o autocuidado emocional se refere a evitar pensamentos ruins, afastar o estresse e a tristeza, assim como entrar em conexão com os próprios sentimentos. Dessa forma, é possível ter mais entendimento do que você está sentindo no momento, contribuindo para agir da forma certa.

Sendo assim, ter uma rotina que inclui cuidados que melhoram o nosso emocional é essencial. Isso porque ao se sentir mal emocionalmente, o físico e também o lado sentimental, serão afetados.

  • Então veja o que você pode fazer para se sentir bem nesse sentido:
  • Fazer uma caminhada, seja no meio do mato, ou pelo seu bairro, para admirar a natureza;
  • Prestar atenção no que está sentindo e não ignorar suas emoções;
  • Um caderninho, ou mesmo um diário, pode ajudar a colocar para fora os seus sentimentos;
  • Momentos de solidão não precisam ser ruins. Ficar um tempo só pode ajudar a organizar algumas ideias e a pensar em si mesmo;
  • Mas se ainda assim você não gosta de estar sozinho, marque um encontro com seus amigos mais próximos, aqueles que você pode ser você mesmo.

Autocuidado espiritual

Você pode até pensar que começar ou voltar a ir às missas aos domingos é que define o autocuidado espiritual. Sim, atividades voltadas para a religiosidade também estão incluídas neste tipo, mas não somente ela.

Isso porque, tudo o que contribui para promover o equilíbrio entre os seus sentimentos, assim como melhorar as emoções, também fazem elevar o espírito. De toda forma, o autocuidado espiritual é uma maneira de fortalecer qualquer tipo de crença.

Sendo assim, há algumas ações que você pode incluir no seu dia a dia com esse objetivo. Confira:

  • Se você reconhece alguns defeitos e falhas, vale a pena tentar mudar esses comportamentos;
  • Medite, seja em casa, sozinho, ou com um grupo de pessoas que se reúnem apenas para isso;
  • Procure por grupos ou ong’s que façam algum tipo de serviço social e ajude;
  • Praticar o autocuidado espiritual também é avaliar as suas crenças e os valores que você considera importante. 

Autocuidado social: o que é

Pode ser que você não conheça esse termo, mas o autocuidado social reúne práticas bastante conhecidas. Talvez não damos a devida importância para elas, mas são ações essenciais para uma sensação de bem-estar. 

Nesse sentido, construir bons relacionamentos e se conectar com outras pessoas é essencial. Sendo assim, a interação social que diz respeito à nossa relação com a família e amigos, seja do dia a dia ou do trabalho, causaram impactos relevantes para a nossa vida. 

Rituais necessários para ter autocuidado

Rituais necessários para ter autocuidado

Já citamos alguns rituais para ter autocuidado, mas não custa enfatizar que, você estará fazendo isso quando olhar para si mesmo com afeto e atenção. Por isso, você deve tomar atitudes que comecem a fazer parte da sua rotina e que te façam bem.

Contudo, é importante dizer que cada pessoa terá uma rotina, assim como hábitos e necessidades diferentes. Sendo assim, é preciso que você avalie o que funciona e que dá para ser encaixado na sua realidade.

Como já dissemos, tais ações devem impactar positivamente diversos campos da sua vida. Nesse sentido, vale a pena investir no autocuidado e se concertar com o seu interior, garantindo assim, uma melhor qualidade de vida. 

Conclusão

Saber o que é autocuidado e como praticá-lo é essencial para a qualidade de vida e a saúde física e emocional. Por isso, é importante entender o benefício que cada ritual vai promover em determinado campo da sua vida. 

De qualquer forma, não pense que é egoísmo reservar um tempo do seu dia para cuidar de si mesmo. O autocuidado diz mais sobre como você se sente em relação a si mesmo, do que o que o outro vai pensar disso. 

Então, não perca tempo e não jogue mais a sua saúde física e mental para escanteio. 

o que é autocuidado