4 Doenças oculares mais comuns

Os cuidados básicos são primordiais para ter uma saúde de excelência, sem desenvolver e contrair doenças. Da mesma forma que buscamos sempre cuidar de nossa saúde física e mental, é de extrema importância cuidarmos da saúde ocular.

Parece meio bobo e por isso muitas pessoas nem lembram que esse cuidado é um cuidado fundamental. No entanto, para manter uma boa visão é necessário seguir alguns hábitos para melhorar a saúde dos olhos.

A ida frequente ao oftalmologista, por exemplo, é um hábito que os cidadãos deveriam adquirir. Estar sempre em dia com exames para garantir que nada está atrapalhando a visão, é uma prática importante.

Separamos alguns dos principais hábitos e cuidados que devemos ter em relação aos nossos olhos, que são considerados tão sensíveis. Confira:

Evite levar a mão aos olhos com frequência

O ato de coçar o olho faz com que a mão vá com frequência até o olho e isso pode ser, de certa forma, prejudicial à saúde ocular.

Por ser uma região sensível, qualquer cisco ou pelinho que entrar no olho pode causar irritação e isso pode fazer com que algumas doenças oculares sejam desenvolvidas e prejudiquem a visão.

Além disso, nossa mão está exposta a diversos meios, e isso faz com que ela se torne suja, logo, levar a mão suja ao olho também não é nada indicado.

Tome cuidado com o uso de maquiagem

O uso excessivo de maquiagem também é um fator que pode impactar negativamente na saúde dos olhos. Isso porque, dependendo de onde o produto foi aplicado, ele pode causar algum tipo de irritação ou até mesmo inflamação para a região dos olhos e prejudicar a visão.

Além disso, dormir de maquiagem também pode fazer com que a região dos olhos seja afetada, por isso, é importante remover a maquiagem da maneira correta antes de dormir.

O uso de óculos de sol

Proteger os olhos da radiação do sol também é um fator importante para a saúde dos olhos. Porém, usar óculos falsificados e que não possuem proteção não irão resolver nada e podem até causar mais desconforto.

Para isso, existem diferentes modelos de óculos feminino e masculino, basta escolher qual mais se encaixa no seu rosto.

Higiene dos olhos

A higiene dos olhos é um cuidado básico, assim como tomar banho e se alimentar. Lavar bem os olhos é um ato de limpeza que devemos ter com nossos olhos para remover todas as impurezas e, consequentemente, evitar infecções e inflamações.

Não utilizar colírio sem orientação oftalmológica

Muitas vezes, no dia a dia, é comum usarmos colírio para aliviar algum tipo de coceira ou desconforto, no entanto, não é recomendado o uso sem que haja uma orientação oftalmológica, por isso a importância de visitar frequentemente o oftalmologista é grande.

Além dessas dicas e cuidados citados acima, ainda existem outros hábitos que os cidadãos podem adquirir visando o bem estar da saúde ocular.

Doenças oculares mais comuns

Apesar de muitas pessoas ainda não terem muito conhecimento, as doenças oculares são bem recorrentes.

Essas doenças são causadas por algum fator oftalmológico que, por algum motivo, acabou gerando certos tipos de desconforto e problemas na visão, em casos mais graves, causando até mesmo cegueira.

A seguir iremos falar sobre algumas das doenças oculares mais comuns, responsáveis por alterar a saúde ocular de muitos indivíduos. Confira as principais:

Catarata

A catarata é considerada uma das doenças que mais causa cegueira no mundo. Essa doença ocular é a responsável por deixar a lente natural do olho embaçada, perdendo a transparência do cristalino.

Nesse caso, por meio de uma cirurgia, o cristalino pode ser substituído e não causará danos maiores ao paciente.

Glaucoma

No caso dessa doença, o que acontece é que o nervoso que liga o olho ao cérebro acaba sendo danificado, deixando assim a pessoa cega. No início é assintomático, entretanto, se não procurar um oftalmologista imediatamente, pode ir agravando.

Aqui, infelizmente não existe uma cura para essa doença, mas existem maneiras de controlar o agravamento.

Conjuntivite

O conjuntivite é uma inflamação ou irritação que se dá no branco do olho, também conhecido como conjuntiva. Apresenta diferentes sintomas e o primeiro é a vermelhidão, seguido da sensibilidade à luz, coceira e lacrimejo.

A inflamação, normalmente, dura em torno de quinze dias e o tratamento é determinado de acordo com o agente causador.

Além disso, indo ao oftalmologista ele irá te recomendar qual é o melhor colírio a ser usado.

Doenças com erro de refração

As doenças com erros de refração são as mais conhecidas: miopia, astigmatismo, hipermetropia, presbiopia ou vista cansada.

Aqui, o formato do olho, da córnea ou até mesmo da rigidez do cristalino pode acabar perdendo o foco, assim os indivíduos começam a ter dificuldades de enxergar de perto, de longe, de perto e de longe ou ficam com a sensação de vista cansada.

Para isso, é necessário procurar um oftalmologista e ele irá recomendar que seja feito um óculos com o grau ideal para cada problema.

Logo, conhecendo melhor sobre as doenças oculares e levando em consideração a importância da saúde ocular, é importante estar sempre em dia com os exames e não deixar de frequentar um oftalmologista em casos de desconforto e irritabilidade na região dos olhos.

Doenças oculares mais comuns