Quais situações podem levar à suspensão da CNH?

Saiba todas as infrações que podem levar motorista levar uma suspensão da CNH, publicamos este texto para eliminar de uma vez por todas as dúvidas relacionadas a suspensão da CNH.

Quando conquistamos nossa CNH (Carteira Nacional de Habilitação) definitiva, precisamos ser muito cautelosos no volante, pois existem diversas formas de ter esse documento suspenso e, consequentemente, perder o direito de dirigir.

O problema é que o processo para recuperar a habilitação é extenso e desgastante, levando um tempo considerável até que seja possível obter uma nova permissão para conduzir veículos. Sendo assim, é importante estar bem atento a todas as infrações de transportes e trânsito que podem bloquear o documento para evitar esse tipo de inconveniente.

Mas afinal, quais infrações de trânsito levam a suspensão da CNH?

Situações podem levar à suspensão da CNH

A forma mais conhecida de perder a CNH é ultrapassando a marca de 20 pontos de infrações de trânsito na habilitação, dentro de um período de 12 meses. Esses pontos são acumulativos, e cada infração consiste em uma pontuação diferente, sendo 3 para leves, 4 para médias, 5 para graves e 7 para gravíssimas.

Bastam três infrações gravíssimas para que o motorista perca o documento, o que pode incluir uma série de delitos como dirigir alcoolizado, dirigir na contramão, ultrapassar a velocidade em mais de 50% do estipulado, entre outros.

Contudo, muitas dessas infrações gravíssimas também podem suspender a CNH por algum tempo, mesmo que o motorista não tenha atingido 21 pontos de infrações. Dirigir alcoolizado, por exemplo, pode ser passível de até 12 meses de suspensão.

Omitir socorro em um acidente de trânsito traz de 4 a 12 meses de punição, o que também vale para direção perigosa e disputa de rachas. Não sinalizar um local de acidente também é uma infração e pode garantir uma suspensão de 2 a 8 meses, assim como fugir de uma blitz policial, que é passível de até 3 meses de punição.

Dependendo do tipo de habilitação, alguns motoristas também precisam se atentar em realizar o exame toxicológico da CNH, que também entra como um documento obrigatório. Esse é um exame que precisa ser renovado de anos em anos, geralmente junto com a renovação da CNH, então não estar com tudo atualizado também é uma infração passível de punições mais severas.

Quando um motorista leva uma suspensão da CNH, ele precisa passar por um curso de reciclagem e acertar pelo menos 21 de 30 questões de uma prova.

Após recuperar o documento, o condutor precisa se certificar de não cometer mais nenhuma infração nos próximos 12 meses; caso isso aconteça, a habilitação é novamente suspensa, e ele passa a ser considerado um infrator reincidente, o que aumenta o tempo de suspensão e dificulta ainda mais a recuperação do documento.

suspensão da CNH