Vai Viajar Entenda a Diferença Entre Dólar Turismo e Comercial

Vai Viajar? Entenda a Diferença Entre Dólar Turismo e Comercial

Ao planejar uma viagem internacional, existem alguns pontos que você precisa se atentar, sendo um deles adquirir uma certa quantia de moeda estrangeira. E dependendo do destino, na hora de comprar a moeda, você pode se deparar com termos como dólar turismo e dólar comercial.

Agora, quais são as diferenças entre eles? Qual escolher? É sobre isso que iremos explicar no artigo de hoje!

Portanto, se você quer saber o que é dólar turismo e o que é dólar comercial, não deixe de conferir este artigo até o final!

Dólar turismo e dólar comercial: entenda as diferenças

Para começar, é importante que você entenda o seguinte: o dólar é um só. E o uso das palavras “turismo” e “comercial”, serve apenas para definir as formas como a moeda pode ser utilizada. Ou seja, qual a sua finalidade.

Então, por exemplo, se você ver o termo “dólar turismo”, saiba que ele se refere ao tipo de dólar que você deve adquirir para fazer viagens ao exterior e transações em solo estrangeiro.

Agora, caso você se depare com o termo “dólar comercial”, é porque ele está relacionado às transações financeiras de importação e exportação de grandes empresas.

Mas calma, essas são as diferenças básicas entre esses tipos de dólar. A seguir, você confere mais informações importantes a respeito de cada um.

Dólar turismo

O dólar turismo, como o nome já indica, é para quem vai fazer uma viagem internacional, isto é, para outro país.

Além disso, se você faz ou pretende fazer compras em sites estrangeiros, este também é o tipo de dólar utilizado, pois você estará ali como um turista.

Portanto, no seu dia a dia, a cotação que você mais deve ficar de olho é a do dólar turismo, pois é ela que estará ligada as suas compras, as suas viagens internacionais e a fatura do seu cartão de crédito.

Porém, saber como anda o dólar comercial é algo importante também e você verá o porquê a seguir…

Dólar comercial

O dólar comercial, além de ser utilizado por empresas na compra e/ou venda de mercadorias, produtos e serviços, serve como a cotação referência para brasileiros que moram em outro país e precisam de empréstimos, para brasileiros que vão fazer investimentos no exterior e para o governo quando faz movimentações financeiras.

E esse tipo de dólar normalmente possui uma taxa mais baixa, visto que é negociado entre bancos e empresas.

Contudo, vale ressaltar que essa taxa não é fixa. Ao longo do dia, é normal ela variar para cima e para baixo.

E respondendo à pergunta que foi feita mais acima, “por que é importante saber sobre o dólar comercial?” Porque ele é de suma importância para você entender quais são os rumos da economia do país.

Preços e IOF

Todo mundo que opera com moeda estrangeira, como casas de câmbio e bancos, possuem custos administrativos envolvidos para isso, além da própria margem de lucro.

Por isso, o dólar turismo sempre será um pouco mais caro do que o dólar comercial.

Além disso, outro ponto presente ao adquirir uma moeda estrangeira e que merece ser ressaltado, é o IOF (sigla para Imposto sobre Operações Financeiras).

Se você comprar o papel moeda, você irá pagar 1,1% de IOF. Agora, se você fizer recargas em um cartão pré-pago ou utilizar um cartão de crédito no exterior, você terá que pagar 6,38% de IOF.

Então, por exemplo, se você utilizar um cartão de crédito para comprar algo no exterior, depois, na fatura, aparecerá: dólar + 6,38% de IOF.

E como conseguir uma boa cotação do dólar turismo? 

Especialistas recomendam que para você conseguir uma boa cotação do dólar turismo, é importante que você monitore a moeda com uma boa antecedência (meses antes de viajar) e vá comprando-a aos poucos, gradualmente.

Isso porque, como o câmbio oscila, você poderá aproveitar as baixas da moeda para adquiri-la por um preço menor.

Então, por exemplo, se você vai viajar em julho, é interessante que em meados de março, você já comece a acompanhar a cotação da moeda. 

E a cada mês (ou semana), você vai comprando um pouco da moeda em uma casa de câmbio ou em seu banco.

Assim, no final, você terá uma boa média e não ficará “refém”, por exemplo, de algum cenário externo que pode fazer a cotação subir – já imaginou se você compra a moeda estrangeira de uma só vez e ela está na cotação mais alta?

Além disso, é importante verificar a cotação em diferentes empresas, de modo a encontrar aquela com um preço mais justo.

E por fim, para finalizar o nosso artigo sobre dólar turismo e dólar comercial, nós separamos para você uma outra informação interessante que você deve saber… 

Essas nomenclaturas “turismo” e “comercial” são utilizadas para outras moedas também, não só em relação ao dólar.

Então, por exemplo, você pode se deparar com o “euro turismo” e “euro comercial”, “libra turismo” e “libra comercial”, e assim por diante!