o que é o Open Finance

Você sabe o que é o Open Finance?

Conhecer as possibilidades do mercado financeiro é essencial para fazer as melhores escolhas dentro das instituições

Uma das grandes preocupações dos clientes de bancos e instituições financeiras é como fazer portabilidade, seja em contas, cartões, ou investimentos como previdência Icatu, por exemplo.

Para facilitar a vida dos indivíduos, o mercado financeiro passou por muitas mudanças nos últimos anos e com a transformação digital diversas são as facilidades para as pessoas e instituições.

Se o Open Banking foi uma das grandes novidades do ano, o Open Finance é também uma dessas mudanças que prometem revolucionar o mercado. Você sabe o que é essa modalidade? Conheça mais sobre ele!

O que é o Open Finance?

No início de 2021, o Banco Central anunciou que o atual modelo de negócio do Open Banking deve ser substituído pelo Open Banking, que é uma expansão do modelo original já existente.

O Open Finance é o processo de abertura da indústria financeira para a participação de empresas de outros setores. Mais do que possibilitar que o cliente encontre serviços financeiros em outros canais, o open finance permitirá uma integração de dados no mercado brasileiro.

Ou seja, o conceito de open finance permite que, além dos bancos, várias organizações possam oferecer produtos financeiros, obedecendo a regulações pré-estabelecidas.

Sendo assim, corretoras de seguros, companhias de câmbio e fundos de previdência, por exemplo, poderão ampliar o escopo no uso de dados dos clientes, possibilitando que tenham independência na escolha de determinado serviço.

Com o Open Finance permite-se que pessoas que sejam titulares de contas, sejam empresas ou pessoas físicas, tenham o poder de direcionar os dados que estão sendo compartilhados pelas instituições financeiras.

Vale relembrar que o Open Banking é um sistema que permite que o cliente pegue todas as suas informações registradas em uma organização e as leve para onde quiser, sem ter que começar do zero com uma nova instituição.

O Open Finance é esse mesmo sistema, mas abrange não só bancos e fintechs, mas também diversas outras empresas financeiras. Dessa forma, caso você autorize, essas instituições também poderão ter acesso aos seus dados no mesmo ambiente dos bancos.

Quais os grandes objetivos do Open Finance?

O Open Finance é uma das revoluções do mercado financeiro nos últimos anos e ela promete diversos benefícios para as instituições e indivíduos, como:

Maior poder ao cliente final

O open finance vai oferecer maior liberdade e autonomia para o cliente final. Com ele, os processos serão menos burocráticos e as pessoas poderão decidir o que querem fazer dentro do sistema financeiro, compartilhando seus dados com qualquer instituição que ele tenha interesse.

Dá ganhos em segurança e transparência

O open finance ajuda na criação de um ambiente mais seguro e transparente para consumidores, instituições e governo. 

Com a implementação da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), o Banco Central tem uma visão mais ampla do mercado e o cliente final é empoderado em muitas das operações. Com o controle sobre as suas informações, todo o processo se torna ainda mais seguro.

Maior qualidade dos produtos financeiros

Em um cenário em que o cliente está no centro das operações de qualquer empresa, o acesso a informações relevantes sobre os consumidores é essencial.

Com a padronização do sistema e abertura dos dados, as instituições poderão criar produtos e serviços de maior qualidade, personalizados para poder atender às demandas de seus consumidores, criando ofertas de maior valor agregado.

Estimula a inovação e democratização do mercado brasileiro

O open finance também facilita a democratização do mercado e estimula a inovação no setor. Por ampliar para o mercado como um todo, as empresas de outros segmentos podem oferecer serviços que façam sentido para seus clientes e o mercado é fortalecido para os consumidores.

Deu para perceber que o grande objetivo do Open Finance é promover mais diversidade, abrangendo todos os setores financeiros do Brasil, certo?

Com cada implementação do open banking e a atualização, a 4ª fase do sistema deve ser implementada até dezembro deste ano.

Você já conhecia essa nova possibilidade do mercado financeiro? Agora que sabe mais sobre ele, fique atento sobre seus dados e faça as melhores escolhas em suas instituições!