Saiba quais são as características que você precisa conhecer para fazer a escolha certa. 

A geladeira é algo em que não dá para errar na escolha. Ela é um dos eletrodomésticos mais importantes em qualquer casa, uma vez que irá garantir que os alimentos sejam conservados por mais tempo, além de resfriar a temperatura dos líquidos. 

Refrigerador

Atualmente, é possível encontrar vários tipos de geladeira: das mais simples e baratas até aqueles modelos de duas portas, que contam com uma grande capacidade de armazenamento. Porém, para fazer a escolha correta, é preciso analisar algumas características. Saiba quais são as principais abaixo. 

Modelos diferentes


Atualmente, é possível encontrar uma boa variedade de modelos de geladeira no mercado, dos menores até grandes aparelhos. Um exemplo do primeiro grupo são os frigobares, que são opções menores, servindo como um item adicional na casa, podendo ser colocado na área de churrasqueira, por exemplo.

Os modelos de uma porta são mais baratos, compactos e ideais para casas com uma ou duas pessoas. Eles ocupam pouco espaço e, na parte superior, contam com uma caixa congeladora, na qual é possível guardar pães e carnes. 

Os aparelhos chamados de duplex são aqueles que contam com uma porta para o refrigerador, na parte inferior, e outra para o freezer, parte superior. Eles são a opção mais comum nas lojas, indicados para casas com mais de duas pessoas.

Também é possível encontrar as chamadas geladeiras inverse. Como o nome sugere, neste modelo, a configuração do eletrodoméstico é invertida: o freezer, que é menos utilizado no dia a dia, fica na parte inferior, já a geladeira, mais utilizada, fica na parte superior. Dessa forma, não é necessário abaixar tantas vezes para mexer nela.

Por fim, a opção mais cara são as geladeiras side by side, com duas portas, postas lado a lado. Elas apresentam mais de 500 litros de espaço para armazenamento e contam com outras funcionalidades, que tornam a gestão mais fácil e cômoda para o indivíduo. 

Tipos de degelo


A limpeza da geladeira deve ocorrer ocasionalmente, uma vez que o acúmulo de gelo faz com que o aparelho gaste muito mais energia. A atividade demanda tempo e esforço. Para que a tarefa se torne mais fácil, é importante entender quais são os sistemas de degelo existentes no mercado.

O degelo manual está presente nas opções mais baratas do mercado. Com esses modelos, para poder limpar a geladeira e o freezer, é necessário fazer a operação manualmente, após desligá-los na tomada.
 
O sistema semiautomático opera de forma semelhante. Enquanto na opção manual o aparelho precisa ser desligado, a alternativa semiautomática conta com um botão que faz o degelo automaticamente, sem precisar desconectar a geladeira da tomada.

Por fim, o sistema mais eficiente no mercado é o frost free, presente em geladeiras modernas e mais caras. Nesses modelos, o resfriamento acontece de forma mais contida e controlada, para que o gelo não se forme, sem a necessidade de descongelá-lo. 

Capacidade


A geladeira que você levar para a casa deve ser condizente com as suas necessidades e a sua rotina. Caso contrário, você acabará gastando mais que o necessário, e o aparelho ocupará mais espaço em sua residência, tornando-se um incômodo. Por isso, é importante atentar-se às capacidades de cada modelo.

Para casais ou pessoas solteiras, as melhores opções são os aparelhos de até 300 litros de capacidade, que contam com espaço suficiente para armazenar tudo o que é preciso. Quem tem o hábito de alimentar-se mais fora de casa também deve optar por esse tipo de modelo, já que não haverá a necessidade de guardar tantos alimentos. 

As geladeiras de 300 a 400 litros de capacidade são as mais indicadas para famílias com até 4 pessoas. Agora, no caso de residências com mais de 4 pessoas, como é o caso de algumas repúblicas estudantis, a recomendação é procurar por um aparelho com mais de 400 litros de capacidade.
Postagem Anterior Próxima Postagem