Como funciona o lavador de gases nos tempos atuais?

O equipamento lavador de gases, assim como o seu próprio nome já sugere, é utilizado para fazer a lavagem de gases nocivos, provenientes das atividades industriais, que são muito prejudiciais à saúde e altamente poluentes.

A sua função é neutralizar esses gases, retirando-os do ambiente da empresa e evitando a sua chegada até a nossa atmosfera. E para que isso ocorra, alguns processos devem ser realizados pelo equipamento.

Então, caso queira saber mais informações sobre esses processos, aqui abordaremos assuntos referentes aos lavadores de gases, como por exemplo, o seu funcionamento e quais gases ele neutraliza.

O lavador de gases é obrigatório?

Apesar de existirem vários modelos com diversos formatos diferentes, todos os equipamentos do tipo lavador de gases possuem a mesma função: capturar os gases nocivos provenientes das atividades industriais para fazer a sua neutralização.

Mesmo não sendo obrigatório possuir um lavador de gases, existem órgãos responsáveis pela fiscalização, como por exemplo o CONAMA, que é o responsável em âmbito federal por fiscalizar as emissões atmosféricas industriais, que podem exigir o equipamento, caso considerem necessário.

Então, se a sua empresa produz muitos gases de exaustão, liberados por processos químicos, mecânicos e físico-mecânicos, o recomendado é adquirir um lavador de gases, antes mesmo de uma fiscalização.

São exemplos de substâncias nocivas que devem ser lavadas: biogás de aterros sanitários, cianetos, nitratos, acetatos, iodetos, hidróxidos, óxido e dióxido de enxofre, ácidos cilíndricos, sulfúricos, nítricos, fosfóricos, crómicos, amônia, aminas, cetonas, éteres, fenóis e fluoretos.

Como funciona o lavador de gases?

Confira abaixo como funciona o processo de lavagem:

●  Na torre de lavagem, substâncias alcalinas, ácidas ou antioxidantes são adicionadas à água;

●  Através de uma reação química de colisão, onde os gases nocivos são capturados e chocados contra essa substância líquida, ocorre a separação dos agentes nocivos do fluxo de ar;

●  As partículas nocivas separadas através da reação química dentro da torre são aprisionadas pelo equipamento e logo em seguida neutralizadas.

A escolha do lavador de gases deve levar em consideração fatores como: as substâncias que serão neutralizadas, o tamanho da instalação a ser filtrada e os horários que ocorrem a emissão.

Assim, cada indústria poderá obter um equipamento desenvolvido especialmente para responder às suas necessidades, já que um lavador de gases deve ser um equipamento seguro e eficiente.

Algumas das principais características que esse equipamento deve ter, são: ser resistente a altas temperaturas e umidade, controlar substâncias nocivas ou explosivas e operar em condições de trabalho severas.

Como funciona o lavador de gases nos tempos atuais