8 praças brasileiras para conhecer com a família

O Brasil conta com mais de 5.500 municípios espalhados por todo o seu território, sendo que de Norte a Sul, todos eles contam com suas particularidades e diferenças, seja na geografia, arquitetura ou costumes. Contudo, existe uma atração que todos eles têm em comum: uma praça para chamar de sua. As praças são importantes centros de recreação e interação social, sendo que diversas cidades surgiram justamente a partir desses espaços. Sendo assim, várias delas são consideradas importantes monumentos para a história da região. Portanto, para o post de hoje separamos 8 praças brasileiras para você conhecer.

1. Praça Ângelo Piazera, Jaraguá do Sul, Santa Catarina

Jaraguá do Sul é uma importante cidade catarinense, sendo considerada a quinta maior economia do estado. Com muita natureza em seu território e qualidade de vida de alto nível, muitos até mesmo decidem procurar uma imobiliária em Jaraguá do Sul a fim de garantir maior bem-estar no dia a dia e boas oportunidades de negócio.

A Praça Ângelo Piazera abriga o Marco Zero da cidade, além de outros monumentos e quatro postes originais da década de 40. Também é aqui que fica a Árvore dos Atiradores, no período da festa Schützenfest que acontece todos os anos em Jaraguá do Sul.

2. Praça Batista Campos, Belém, Pará

Essa praça é um local bastante importante quando falamos em interação social, atividade física, lazer e relaxamento dos habitantes da cidade. Tombada pela capital em 1983, ela homenageia o Cônego Batista Campos, personagem de grande destaque da Cabanagem e que morreu no ano de 1834. Com cursos d’água e árvores nativas, a praça é um verdadeiro deleite.

3. Praça Tiradentes, Ouro Preto, Minas Gerais

Batizada com esse nome por ter sido o lugar onde Tiradentes teve sua cabeça exposta após seu enforcamento, sua história não é agradável. Contudo, poder sentar e admirar a arquitetura da cidade é realmente encantador. Hoje em dia, ela é o ponto central de Ouro Preto, recebendo importantes eventos culturais e festivos da região. Envolta por casarões da época colonial, ela ainda abriga o Museu da Inconfidência e o Museu de Ciência e Técnica.

4. Praça dos Três Poderes, Brasília, Distrito Federal

Ainda que seja uma praça diferente das demais que citamos aqui, sem árvores ou elementos de recreação, ela foi projetada pelo renomado arquiteto Oscar Niemeyer, sendo uma das mais importantes do país. Isso porque, é aqui que estão os três poderes, com o Palácio do Planalto, Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal. Além disso, a praça também é palco de manifestações, festas e outros eventos importantes da cidade e do país.

5. Pelourinho, Salvador, Bahia

Ainda que seja conhecida como Largo do Pelourinho, seu nome oficial é Praça José de Alencar. O local é o verdadeiro coração do centro histórico da capital baiana, mantendo até os dias de hoje bem preservado todo o conjunto arquitetônico colonial barroco. Além disso, é considerada Patrimônio Histórico da ONU para a educação, ciência e cultura. Também é aqui que ocorrem diversas festas e manifestações culturais, além de ser palco de obras artísticas, como filmes, novelas e clipes musicais.

6. Praça da Matriz, Porto Alegre, Rio Grande do Sul

Esse é o grande centro cívico, cultura e religioso dos gaúchos, abrigando a Catedral Metropolitana. Justamente por isso, é mais conhecida como Matriz, ainda que o nome oficial seja Praça Marechal Deodoro. O local também conta com outros prédios históricos, como o Museu Júlio de Castilhos, Theatro de São Pedro, Solar dos Câmaras e o moderno Palácio Farroupilha, sede do poder Legislativo do Rio Grande do Sul.

7. Praça da República, São Paulo

Esse é um importante patrimônio histórico de São Paulo, fazendo parte do roteiro turístico de diversos visitantes e até mesmo moradores. Além de abrigar o Museu da Diversidade Sexual, também recebe a feirinha da Praça da República aos domingos. As principais atrações com certeza são as pinturas e desenhos, visto que muitos artistas criam suas obras durante a própria feira. Além disso, também é possível aproveitar as deliciosas comidas, como churrasco, doces e empanadas.

8. Praça Paris, Rio de Janeiro

No começo do século XX, a cidade do Rio de Janeiro passou por algumas reformas arquitetônicas e urbanísticas inspiradas em Paris, período esse que ficou conhecido como a Belle Époque carioca. A Praça de Paris foi desenhada pelo urbanista francês Albert Agache e seus jardins foram inspirados nos do Palácio de Versalhes. Dessa forma, a praça se transformou em um verdadeiro recanto europeu em meio à cidade tropical, sendo que até hoje é muito bem aproveitada.

Então, como você viu, muitas praças citadas foram importantes para o desenvolvimento do município e até hoje têm o poder de unir os habitantes, seja em eventos da cidade ou para passeios no fim de tarde. Portanto, agora que conhece algumas, já pode escolher qual visitar em sua próxima viagem.

praças brasileiras para conhecer com a família