Estratégia de precificação

Estratégia de precificação: como definir o preço de um produto

Os preços dos produtos e serviços bem definidos garantem bons resultados para sua empresa. Por isso, confira como definir o preço de um produto.

Muitos empreendedores não conhecem como definir o preço de um produto corretamente, assim como na precificação de medicamentos, outras mercadorias devem ter seu valor correto, para evitar prejuízos ao negócio. Por isso, neste post, entenda sobre precificação e como definir os preços de cada item comercializado.  

A precificação correta faz toda a diferença nos resultados de uma empresa, esse processo realizado de forma inadequada pode acarretar dificuldade nas vendas, prejuízos financeiros e produtos parados no estoque. Para evitar isso, conhecer como definir o preço de um produto é essencial para sua empresa ter maior rentabilidade e não perder clientes.

Quer saber como definir preço de um produto? Então, acompanhe a leitura e confira. 

Quanto tenho que ganhar em cima de um produto?

Para fazer o cálculo de quanto ganhar em cima de um produto é preciso calcular a margem de lucro. Assim, é necessário utilizar uma fórmula para chegar ao resultado esperado.

Com isso, é preciso colocar na calculadora o valor obtido com o lucro e dividir pelo valor da receita total, em seguida multiplicar o resultado obtido por 100.

Lembre-se, utilize o cálculo desta forma: (margem de lucro = lucro bruto / receitas totais).

Como definir precificação?

A precificação visa definir o valor de venda de um serviço ou mercadoria, mediante a avaliação de alguns fatores. Com isso, o consumidor deve pagar pelo serviço ou item adquirido pelo preço definido previamente.

Existem diversas estratégias que podem ser utilizadas de como definir o preço de um produto, como:

Preço premium

Como definir o preço de um produto: neste tipo de precificação, a definição de preço é separada conforme os planos dos serviços oferecidos. Com uma hierarquia bem definida entre os planos, o consumidor tem maior interesse em adquirir a solução da empresa, pois com essa estratégia é possível passar maior valor ao cliente.

Alguns setores ainda utilizam essa estratégia para garantir produtos exclusivos aos seus clientes, é o caso da moda e tecnologia. 

Preço por projeto

O preço por projeto também pode ser utilizado como definir preço de um produto ou serviço. Neste caso, é cobrado um preço fixo para desenvolver o que foi contratado pelo cliente. 

Neste tipo de projeto, pode incluir os seguintes pontos:

  • Planejamento do projeto e seu conceito
  • Compra dos materiais
  • Adequação do produto ou serviço de acordo com as exigências do cliente
  • Execução do projeto
  • Entrega do produto ou serviço finalizado

Preço baseado em concorrência

Como definir o preço de um produto: se o seu serviço ou produto é comercializado em um mercado inflado, a estratégia de preço baseado em concorrência pode ser adequada. 

Assim, em mercados competitivos, o preço menor pode fazer a diferença na hora do consumidor escolher entre a sua solução ou a de outra empresa. 

Preço por skimming de mercado

Também conhecida como desnatação de mercado, a estratégia de preço por skimming de mercado pode ser utilizada para nichos menos sensíveis, com um preço acima.

Com a popularização do seu serviço ou produto, é possível baixar os preços e ter acesso a outros mercados que buscam soluções com preços mais acessíveis. 

Preço alto-baixo

Essa estratégia de como definir o preço de um produto pode ser utilizada para comercializar um produto com custo mais elevado. Já o seu preço baixa em datas específicas e eventos.

Os mercados que lidam com grandes mudanças ao longo do ano tendem a se adaptar bem a essa estratégia de precificação. Alguns dos exemplos são as lojas de móveis, roupas e decoração, que podem ter altas e baixas ao longo do ano e se adaptam bem a essa estratégia de precificação. 

Dicas de como definir o preço de um produto

Agora que você já conhece como definir o preço de um produto, confira nossas dicas para utilizar na precificação das suas mercadorias.

Entenda a diferença entre valor e preço

Engana-se quem pensa que valor e preço são a mesma coisa, sendo essencial saber a diferença entre eles na hora de saber como definir o preço de um produto. O valor é algo mais subjetivo, pois não pode ser expressado quantitativamente, assim como o preço é. 

Muitas vezes, quando o cliente faz uma compra, ele não se importa apenas com o preço, mas com o valor que aquele produto tem para ele, pode ser desde confiança na marca e produto, sua qualidade, ou outros aspectos. 

Quando um consumidor quer um produto que tem grande valor para ele, é possível que ele aceite pagar preços bem acima do mercado apenas para ter esse item. Entretanto, para pessoas que não percebem o mesmo valor para essa mercadoria, não pagariam o preço definido para comprá-la. 

Já o preço é diferente do valor, pois ele é expresso quantitativamente. Ou seja, você sabe quanto de dinheiro é necessário para comprar determinado produto ou serviço. 

Assim, é necessário utilizar vários fatores para definir o preço de uma mercadoria, desde os custos para a sua produção e margem de lucro. As variáveis mais comuns que podem alterar o preço de um produto são:

  • Poder aquisitivo do público-alvo da solução
  • Preços utilizados pela concorrência
  • Modalidade do comércio (varejista ou atacadista)

Defina os preços de acordo com a modalidade do comércio 

A precificação varia de acordo com a modalidade do comércio, ou seja se ele é varejista ou atacadista. O comércio varejista precisa comprar e vender com eficiência, além de obter lucro e que cubra todos os custos envolvidos.

No varejo não há custos de produção, como ocorre na indústria, por exemplo. Além do comércio não ter custos com logística, mão de obra, impostos para produção do produto.

Com isso, saber como definir o preço de um produto no varejo, é preciso considerar a nota fiscal e acrescentar outros custos, como os que estão presentes até o produto chegar à empresa, além de variáveis e fixos do negócio. 

O comércio atacadista, diferentemente do varejo, precisa considerar outros fatores para definir os preços de seus produtos, como mão de obra, matéria prima, aluguel, despesas fixas e variáveis, entre outros.

Agora que você já sabe como definir o preço de um produto, não deixe de utilizar nossas dicas de precificação e acertar nos preços das suas mercadorias.