Sendo um dos eletrodomésticos mais importantes da casa, a geladeira requer um uso cuidadoso. Confira alguns problemas bastante comuns que prejudicam o funcionamento adequado deste aparelho. 

Na virada do ano, você preparou a ceia do último dia de 2020, mas, na manhã seguinte, percebeu que as comidas pareciam não estar do jeito que deveriam. Desde então, você levantou suspeitas: será que a sua geladeira está funcionando bem? 

Geladeiras

Isso é comum e pode ocorrer por diversas razões, desde questões mais simples, como desregulação da temperatura do termostato e desajustes com a borracha da porta, até problemas mais sérios, envolvendo o motor e o vazamento de gás ou água.

Por isso, se você está pensando em adquirir um eletrodoméstico novo, como uma geladeira, pois a que você possui em casa parece não estar funcionando bem há algum tempo, confira alguns dos problemas mais comuns que ocorrem com esse aparelho. 

Termostato


Uma das razões mais comuns que prejudicam o funcionamento das geladeiras são problemas com o termostato. Esse dispositivo serve para manter a constância da temperatura de determinado sistema a partir da regulação automática.

Desta forma, ele é essencial para garantir o funcionamento correto de aparelhos como a geladeira, impedindo que a temperatura varie além de limites estabelecidos previamente.

Ao notar problemas na geladeira, o primeiro passo é verificar se o termostato está na temperatura adequada (fria o suficiente). Para isso, mude os graus e verifique como a geladeira reage.

Se ficar em dúvida ou constatar que a temperatura não foi alterada com a mudança no termostato, é recomendado procurar um suporte técnico. 

Motor


Uma questão séria na geladeira refere-se ao funcionamento do motor. Para perceber isso, é necessário notar se o refrigerador anda produzindo mais ruídos que o comum. Contudo, em alguns casos, o motor pode estar com problemas e não apresentar som.

O motor também pode estar queimado, o que exige medidas urgentes para não provocar problemas mais drásticos. Na dúvida se a causa do problema é o motor, é fundamental procurar profissionais qualificados para realizarem uma avaliação mais completa. 

Vazamentos


Outro problema silencioso que pode atingir a sua geladeira é o vazamento de gás, elemento fundamental para um funcionamento correto deste eletrodoméstico, pois ele produz o frio no interior dos congeladores, devendo circular por todo o circuito (compressor, válvula de expansão, evaporador e condensador).

Se há suspeitas de que seu aparelho esteja com esse problema, o primeiro passo é buscar onde o ponto de vazamento está localizado e cobri-lo imediatamente. Outro vazamento bastante comum é o de água, facilmente percebido a partir do líquido que fica pingando e se acumulando em diferentes compartimentos do eletrodoméstico. 

Borracha da porta


Um detalhe simples que também impacta o funcionamento da geladeira é o posicionamento e a aderência boa da borracha situada nas portas, também conhecida como “gaxeta”. É comum que ela se desgaste com o uso deste eletrodoméstico, o que diminui a vedação e prejudica a rotina.

Além de provocar a perda de alimentos, que acabam estragando sem a devida refrigeração, o desgaste da gaxeta aumenta o consumo diário de energia elétrica, pois, sem vedação, o aparelho precisa “trabalhar mais” para tentar manter a temperatura.

Uma maneira rápida e simples de verificar se a borracha está desgastada é fechar a porta da geladeira sobre uma folha de papel e puxá-la lentamente. Uma gaxeta em boas condições vai dificultar o movimento de retirar a folha. Porém, se o papel sair sem dificuldade e ainda estiver úmido, é sinal de que é preciso trocar a gaxeta urgentemente.

Por ser um aparelho que permanece funcionando 24 horas, a geladeira requer uso cuidadoso e atenção constante. Ainda é possível mencionar questões simples, que podem ser solucionadas de forma rápida, como a lâmpada queimada: para testar se este é o problema, verifique o interruptor e se a lâmpada está rosqueada no bocal.
Postagem Anterior Próxima Postagem