Hospedagem cloud grátis

Serras, trilhas, cachoeiras e paisagens deslumbrantes: estes são os maiores atrativos das cidades no interior mineiro. 

Interior de Minas

Minas Gerais é conhecida pelas lindas paisagens e algumas das cidades mais históricas do país. As tradições gastronômicas do quarto maior estado do país também têm fama internacional por produzirem os melhores queijos, carnes deliciosas e doces tradicionais, como a ambrosia. 

Além da vida cultural e dos bares famosos de Belo Horizonte, o estado possui inúmeras serras (como do Caparaó, da Canastra, da Mantiqueira, do Espinhaço e do Cipó), parques estaduais com vistas exuberantes (como do Ibitipoca e do Itacolomi), além de rios e cachoeiras.

Por isso, se você precisa de mais sossego e tranquilidade, antes de buscar as suas passagens na Viação Santa Cruz, confira algumas dicas para conhecer lugares imperdíveis no interior de Minas. 

Conceição de Ibitipoca


Esta pequena cidade é ótima para quem adora um mergulho intenso na natureza, com pouco contato com centros urbanos e aglomerações de gente. A oferta de pousadas é grande, já que este é o principal ponto de pouso para quem deseja conhecer o Parque Estadual do Ibitipoca.

Esse parque é repleto de cachoeiras, trilhas, grutas e picos. Dois lugares bastante procurados são as trilhas do Circuito das Águas (com cerca de 5 km de extensão que pode ser feitos com crianças), do Pico do Pião e do Circuito Janela do Céu. Se quiser curtir algum restaurante no centro da cidade à noite, aproveite as cervejas artesanais deliciosas que existem por ali!

Carrancas


Se você adora ou tem muita vontade de conhecer as cidades históricas mineiras, mas prefere realizar roteiros que fujam do convencional, a cidade de Carrancas é uma boa dica, pois, ela abriga lugares históricos. Um dos destaques é a Estrada Real, maior rota turística do país, com 1.630 km de extensão.

Diferentemente de outras cidades históricas, Carrancas também oferece a oportunidade de um contato profundo com a natureza. O grande número de cachoeiras e trilhas é um atrativo enorme para quem está precisando de mais sossego. Ela ainda abriga a nascente do rio Capivari, na qual é possível se banhar. 

Serra da Canastra


Situada mais ao sul de Minas Gerais, a Serra da Canastra é um dos lugares mais famosos do estado para quem curte trilhas, cachoeiras e bastante vegetação. O Parque Nacional, que abriga essa serra, possui uma biodiversidade impressionante.

O papagaio-de-peito-roxo, o lobo-guará, o tamanduá-bandeira, a onça-parda e o tatu-canastra são algumas espécies ameaçadas de extinção que habitam esse parque. Além de inúmeras trilhas, o lugar abriga a famosa Casca D’Anta, que tem nada menos que 186 metros de altura! Para quem gosta de acampar, existem várias opções de camping para aproveitar e dormir acompanhando o céu estrelado. 

Conceição do Mato Dentro


Além das belas paisagens, o interior de Minas é um destino bastante frequentado por turistas, incluindo quem busca outros tipos de turismo, como o ecológico e o religioso. Se esse é o seu caso, então, Conceição do Mato Dentro é um destino e tanto para você.

Situada aos pés da Serra do Espinhaço, essa cidadela é conhecida como “a capital mineira do ecoturismo”. A Cachoeira do Tabuleiro, terceira maior do Brasil, é o local mais visitado, porém, existem outros imperdíveis, como as cachoeiras Rabo de Cavalo e Três Barras. 

São Thomé das Letras


Este povoado é bem conhecido por quem gosta de montanhas e boas histórias. São muitas as lendas que habitam São Thomé, como ele é popularmente conhecido pelos visitantes.

Uma delas conta que a história do povoado começou em uma gruta, quando o escravo João Antão teria um romance secreto com uma das filhas de seu senhor, o capitão João Francisco Junqueira.

Quando os dois amantes foram descobertos, João Antão foi submetido a torturas. Cansado, ele fugiu para uma gruta no alto da serra, onde passou a viver da pesca e da coleta de frutos e raízes da região.

O nome da cidade surgiu quando houve a aparição do santo Thomé e de inscrições rupestres na gruta onde João Antão passou a viver. As histórias contam que essas palavras foram deixadas pelo santo. Essa é uma das histórias que criam a atmosfera esotérica pela qual a cidade ficou tornou conhecida.

Recomendação de leitura: 5 locais para conhecer em Holambra SP
Postagem Anterior Próxima Postagem