Principais problemas de pele encontrados em atletas de ciclismo

Praticar atividade física sempre foi e sempre vai ser uma das melhores maneiras de manter o corpo saudável, em dia e conseguir se manter com a saúde em dia. Entretanto, alguns cuidados devem ser tomados. 

Como por exemplo, se hidratar durante a atividade física é extremamente importante. Se alimentar antes e depois da prática é uma forma de dar energia que o corpo precisa para poder realizar essa atividade e também se recuperar da maneira correta após o esforço físico.

Fazer alongamento antes de iniciar qualquer atividade ou exercício físico é de extrema importância. Eles servem para deixar os músculos aquecidos e irrigados a fim de evitar lesões, distensões e outros problemas que podem  acontecer, antes, durante e depois de qualquer prática. 

Dito isso, podemos afirmar que um dos maiores problemas que acontecem com os praticantes de atividades física que envolvam a fricção dos membros, sejam eles superiores e inferiores como por exemplo, caminhada e corrida são as lesões cutâneas, as famosas assaduras. Este problema é causado em sua grande maioria por conta da fricção e atrito entre as pernas e braços. 

Para que você que pratica corrida, caminhada e principalmente ciclistas, iremos mostrar os principais problemas de pele que podem acontecer com a prática destas atividades físicas e quais as medidas tomar para evitá-las. Assim, acompanhe e veja todos os detalhes abaixo.

Cuidados com raios solares

Aplicar protetor solar todos os dias é um cuidado essencial durante todo o ano para qualquer pessoa, pois é a maneira mais eficaz de prevenir queimaduras solares, envelhecimento prematuro e câncer de pele. 

Estudos têm demonstrado, inclusive, que ciclismo, triatlo e maratona, que geralmente são realizados ao ar livre, são esportes que aumentam o risco de desenvolver tumores de pele.

Por isso, é importante que os praticantes de atividades ao ar livre tomem alguns cuidados quando se trata de exposição ao sol, o principal deles é claro o uso diário de protetor solar.

Além disso, também é importante que os protetores solares utilizados pelos atletas tenham óxido de zinco ou ferro e dióxido de titânio nos ingredientes, que são as substâncias responsáveis ​​pela proteção física do sol, e sejam à prova d’água, pois o suor excessivo durante o exercício pode tirar o protetor solar da pele mais rápido que o comum.

O protetor solar, seja em spray ou em creme, protege você dos raios UV, que são prejudiciais à sua pele, previne o aparecimento de manchas, marcas e podem causar doenças graves como câncer de pele.

Cada protetor solar tem um fator de proteção diferente (FPS). De acordo com especialistas, quanto maior o FPS, mais tempo o protetor permanece na pele. Por exemplo, filtros com FPS 40 ou superior filtram cerca de 98% da radiação solar, além de uma formulação mais estável chamada fotoestabilidade.

Geralmente, o protetor solar deve ser reaplicado a cada duas horas. No entanto, se você pedalar no sol, lembre-se de fazer pausas de hora em hora para hidratar o corpo e reaplicar o protetor solar.

Assaduras

A assadura é um problema de pele que ocorre devido a uma mistura de sudorese excessiva, fricção da pele e áreas onde há pouca respiração. Os sais liberados no suor ainda ajudam os fluidos corporais a se tornarem a verdadeira “lixa” da pele, acompanhando o movimento do pedal.

Vermelhidão, coceira e queimação são características típicas de assaduras dos ciclistas. Sem tratamento, eles podem se tornar um verdadeiro extremo de bactérias e fungos que podem se multiplicar e criar mais obstáculos à sua saúde.

Sangramento e descamação podem ocorrer se as assaduras se desenvolverem demais e você não se cuidar. Além desses problemas, as assaduras ainda podem causar problemas no seu dia-a-dia de trabalho, especialmente se você trabalhar sentado por diversas horas.

Como preveni-las

Veja abaixo algumas maneiras de prevenir as assaduras.

Vestimentas

Usar os equipamentos corretos são algumas formas de prevenir as assaduras nas virilhas e regiões íntimas. Por exemplo, os ciclistas dão preferência à cueca Slip durante a prática, devido seu formato anatômico. Assim, os praticantes conseguem utilizar shorts compressores por cima deste tipo de cueca, dando maior proteção para suas partes.

Selim

Cada ser humano possui uma biologia diferente, então o que funciona para um ciclista pode ser doloroso para outro. Existem inúmeras opções de selim no mercado, em diferentes formas, tamanhos e materiais, então não se engane pensando que um selim grande e acolchoado é o melhor. O ideal é experimentar uma variedade de selins para encontrar a mais confortável. Com certeza haverá uma selim para cada ciclista.

Cremes

Reduza o atrito, hidrate a pele e evite assaduras. O creme é aplicado diretamente no períneo ou na pelve e é, sem dúvida, eficaz na prevenção de dores e feridas. Algumas marcas foram além, lançando cremes com propriedades antibacterianas e ingredientes de menta para evitar infecções e promover o frescor nas partes íntimas.

Principais problemas de pele encontrados em atletas de ciclismo