6 Dicas para manter a saúde nos dias frios

Sabia que com as temperaturas mais baixas é muito importante ter alguns cuidados com a saúde para evitar aqueles problemas próprios do inverno? E é isso que mostraremos agora, 6 dicas de cuidados para os dias mais frios do ano. Confira!

Chocolate quente, fondue, ficar embaixo das cobertas assistindo filmes… tudo isso combina com aqueles dias mais frios do ano. E sabe o que não combina? Acabar ficando de cama por conta de gripes, resfriados ou qualquer doença que pode vir junto com temperaturas mais baixas. 

O fato é que o inverno pode até trazer temperaturas mais amenas, mas também nos deixa mais vulneráveis às infecções respiratórias devido a maior aglomeração de pessoas em ambientes fechados e pouco ventilados, por isso, é fundamental se precaver, com alguns cuidados fundamentais nesses dias mais frios.

Confira algumas dicas e cuidados importantes para se manter saudável e poder aproveitar  melhor a estação mais fria do ano:

1. Beba muita água

Vamos combinar que dias gelados não combinam com água. O fato é que apesar de não sentirmos tanta sede nos dias mais frios, é fundamental manter a hidratação em dia. Para isso, mesmo sem sentir sede, procure ingerir cerca de 2 litros de água por dia, e para não esquecer, vale apelar para aplicativos que emitem lembretes ao longo do dia, ou procure deixar sempre uma garrafinha por perto, investir em águas saborizadas, com rodelas de frutas, alimentos ricos em água, como melancia, melão, por exemplo.

2. Evite banhos muito quentes

Apesar de ser mais atraente, banhos quentes fazem muito mal para a pele, pois removem a camada protetora e alteram o pH e a microbiota natural da pele, deixando a pele mais ressecada ou descamando, aumentando, inclusive, o risco de coceiras e alergias. Por isso, troque o banho quente pelo morno e rápido e evite usar buchas e sabonetes abrasivos, prefira sabonetes neutros ou hidratantes.

3. Mantenha a pele hidratada 

Como transpiramos menos, a pele acaba ficando mais seca, por isso, é muito importante intensificar a hidratação, sempre respeitando o seu tipo de pele. Se tiver alergia, por exemplo, procure evitar produtos com fragrância e substâncias sensibilizantes. Procure hidratar a pele, pelo menos, duas vezes ao dia, dessa forma, manterá a pele saudável e livre de coceira, inflamação e lesões de pele. 

4. Não deixe de se exercitar

Para a maioria das pessoas, manter uma rotina de atividade física no inverno se torna mais difícil, por inúmeros motivos. O fato é que, se exercitar é fundamental para manter a saúde em dia e espantar doenças. Mas, com as baixas temperaturas, os músculos e articulações realmente ficam enrijecidos, aumentando o risco de lesões, por isso, a dica é investir em aquecimento, alongamento e exercícios aeróbicos, e vale investir em uma esteira ergométrica residencial, por exemplo, para evitar ventos e intempéries, só não deixe de se exercitar.

5. Continue usando protetor solar

Não é porque os dias estão mais frios que o sol não está agindo, para quem não sabe, cerca de 80% dos raios UV passam pelas nuvens, ou seja, os riscos de danos à pele continuam existindo. Sem falar na exposição diária às luzes e lâmpadas, que também são danosas para as células do tecido da pele. Por isso, não deixe de usar protetor solar mesmo no inverno, aplicando-o a cada duas horas. 

6. Evite ambientes pouco ventilados

É comum no inverno aumentam os casos de doenças respiratórias como gripe, resfriado e, agora, a covid-19, e isso, principalmente, porque no frio as pessoas tendem a ficar em ambientes mais fechados, resultando em menos circulação de ar, aumentando o risco de disseminação de vírus e ácaros. Por isso, evite ambientes fechados e com pouca ventilação e, se isso acontecer, procure utilizar máscara.

No mais, para evitar alergias e irritações de garganta, se hidrate, faça gargarejos e lavagens nasais com soro fisiológico, e mantenha os ambientes limpos e arejados, livre de pó e no caso de sintomas como febre, dor, rouquidão, secreções no ouvido e dor de cabeça, recomenda-se buscar atendimento médico. 

Dicas para manter a saúde nos dias frios