A internet fibra óptica chegou para substituir a internet a cabo UTP. Hoje, diversas operadoras já possuem a tecnologia disponível nas diversas regiões do país.

A internet fibra óptica, desde a sua chegada no Brasil, vem substituindo significativamente a internet a cabo UTP e a tradicional conexão DSL, transmitida através de cabos de cobre. Neste post vamos te explicar como a nova tecnologia funciona e te mostrar quais são os seus diferenciais.

Segundo o relatório da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), divulgado no primeiro semestre de 2019, em menos de dois anos as tecnologias baseadas em fibra óptica mais que dobraram no Brasil. Em 2016, 7,2% dos acessos aconteciam por este formato, número bem inferior aos 18,5% de 2018.

O aumento expressivo se deu pelo fato de que a internet fibra óptica já está disponível em 3.589 cidades. Ainda de acordo com a pesquisa, os estados que contam com a maior cobertura são o Acre, Ceará, São Paulo e Rio de Janeiro. Já o Piauí, por outro lado, conta com apenas 20% de sua rede coberta por fibras.

Como funciona a internet fibra óptica


A velocidade de conexão da internet está diretamente ligada ao cabo utilizado. Assim, a internet fibra óptica chegou no mercado como mais uma tecnologia para oferecer o que há de mais avançado em termos de conectividade para o consumidor. A fibra óptica, diferente dos fios de cobre, permitem que os fios deem conta de um volume de dados muito maior.

As conexões DSL comuns oferecem velocidades de transferência entre os 768 Kb/s (kilobits por segundo) e 1.5 Mb/s (megabits por segundo), em média. Em condições ideias, redes desse tipo podem chegar a 7 Mb/s.

Por outro lado, na internet por fibra óptica, as velocidades médias ficam entre 50 e 100 Mb/s, com situações ideais de máximas entre 1 e 10 Gb/s.

O fator responsável pela grande diferença de velocidade entre as duas é o tipo de transmissão. No processo da internet por fibra óptica, os dados são transformados em luz e enviados através de cabos de fibra ótica.

No entanto, para que essa luz chegue até os consumidores, são necessárias várias camadas para o funcionamento dos cabos de fibra ótica. Conversão esta que pode ser feita por laser (fibra monomodo) ou LED (multimodo), conforme diferenciamos a seguir:

Na conexão através de laser, a fibra monomodo trabalha com um sinal por vez, já que existe só uma fonte de luz. A vantagem é que isso pode ser feito para longas distâncias, como por exemplo, até 80 km sem que haja perda na qualidade.

Na conexão por LED, a fibra multimodo trabalha através da troca de diversos sinais ao mesmo tempo. A vantagem é que isso a torna mais barata e recomendada para redes domésticas. Por outro lado, a desvantagem é que isso só pode ser feito para curtas distâncias, em cerca de 300 metros, em média.

Vantagens e desvantagens da internet fibra óptica


A principal vantagem da internet fibra óptica é que a tecnologia permite que os fios deem conta de um volume de dados muito maior do que a internet a cabo UTP.

Para se ter uma noção, os cabos com diâmetro na casa dos microns, podem transmitir 2,5 milhões de chamadas telefônicas. Já um fio de cobre convencional, por exemplo, precisaria ter um diâmetro de seis metros e consumir uma quantidade absurda de energia, para então transmitir esse mesmo volume de dados.

Outra grande vantagem é que a internet fibra óptica é imune a interferências, então ela permite que os sinais de rede de Internet sejam distribuídos sem oscilação e sem falhas de sinal, o que proporciona ao usuário navegar em uma internet mais rápida e mais estável.

Por outro lado, a principal desvantagem da fibra óptica é o alto valor de investimento, o que dificulta que a tecnologia esteja disponível para todos em todas as regiões. O investimento, necessariamente, recai para as operadoras, que para ofertar a tecnologia precisam fazer um alto investimento na instalação de novas redes, o que, normalmente, acontece apenas nos grandes centros. Para o consumidor, também há custos de adoção, já que a fibra óptica pode exigir novas instalações e a aquisição de roteadores novos, que sejam compatíveis com o sinal ótico.

Principais operadoras que oferecem a internet fibra óptica


As principais operadoras de telefonia, como a Vivo, OI, Tim, Claro já oferecem pacotes de conexão por fibra ótica e o serviço está disponível, principalmente, nos grandes centros e nas principais cidades e bairros do Brasil.

A velocidade média contratada nacionalmente é de aproximadamente 24,62 Mbps, com o preço médio de R$ 3,50 por 1 Mbps, segundo o próprio relatório da Anatel. Entretanto, os valores variam de acordo com a capacidade desejada e o local de instalação.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem